Sicario: Terra de Ninguém – Drama pode ser considerado um dos melhores filmes do ano

outubro 20, 2015 Filmes16

Chega aos cinemas no dia 22 de outubro “Sicario: Terra de Ninguém”, o novo filme do cineasta canadiano Denis Villeneuve, conhecido pela direção dos filmes “Incêndios” (2010), “Os Suspeitos” (2013) e “O Homem Duplicado” (2013).

A trama protagonizada pela bela Emily Blunt é um suspense policial de primeira linha com um elenco afiado, dramas e tensões reais, a perfeita combinação de emoções cerebrais e viscerais.

Sinopse: A CIA está preparando uma audaciosa operação para deter o grande líder de um cartel de drogas mexicano. Kate Macy (Emily Blunt), policial do FBI, decide participar da ação mas logo descobre que terá de testar todos os seus limites morais e éticos nesta missão. (Fonte: Adoro Cinema)

O enredo é perfeitamente harmônico ao conseguir abordar de forma simétrica e realista a violência, tocando nas feridas da sociedade, trazendo em seu corpo outros temas como a ética profissional num mundo em que às vezes é necessário abrir mão de valores para sobreviver em meio a tantas atrocidades no tráfico de drogas.

Do mesmo modo, o elenco está em completa sintonia: Emily Blunt e Josh Brolin estão perfeitos em seus papéis; Benicio Del Toro rouba o filme para si, principalmente a partir do meio até o seu término, seu personagem é muito enigmático tanto para os espectadores quanto para os protagonistas e ao longo da trama todos juntos vamos desvendado mistérios e entendendo os reais motivos das suas tramóias.

Sem dúvida nenhuma o grande trunfo desta trama é o roteiro, que para manter a atenção do espectador foi construído para ser contado em tempo real e assim todo drama contido nas cenas de perseguição, toda tensão dos personagens sejam transmitidas ao público, cada explosão ou tiro é um susto em nossas cadeiras. Ademais todas as cenas são violentas e sangrentas, com detalhes excruciantes, personificando um realismo cruel.

Uma grande característica de Denis Villeneuve é a natureza e a profundidade em seu olhar de diretor, pois construiu personagens bem estruturados, como é o caso Kate Macer (Blunt), acompanhamos nas cenas sua dedicação integral ao trabalho e deduzimos sua vida pessoal através dos diálogos e das situações vividas com seu companheiro de FBI Reggie, interpretado pelo ator Daniel Kaluuya.

Há a demonstração de como a desigualdade e a violência refletem no convívio de pessoas do bem, sendo descritas de maneira realista trazendo à tona um sentimento de medo do que pode acontecer nas próximas cenas.

A cenografia utilizada para a filmagem do longa é fantástica com a utilização de planos abertos.

Enfim, mesmo com uma estória triste, real e difícil de ser retratada “Sicario – Terra de Ninguém” certamente pode ser considerado um dos melhores filmes do ano.

Avaliação: Ótimo

Trailer:

 

administrator